Domingo, 25 de Fevereiro de 2018

COXIM

Exame comprova estupro em idosa e filho suspeito
presta depoimento

Homem morava em fazenda e dormia na casa da mãe nas folgas, diz polícia

5 AGO 2015Por LAURA HOLSBACK09h:11

Exame de corpo de delito feito ontem (4), em aposentada, de 73 anos, comprovou estupro que foi supostamente cometido pelo filho, de 38 anos, na noite de segunda-feira (3). O homem foi preso em flagrante e, segundo a delegada Sandra Regina Simão de Brito, da Delegacia de Atendimento à Mulher, nega ter cometido a violência sexual.

O fato ocorreu na casa da idosa, no município de Coxim. Segundo a delegada, o homem é trabalhador rural, morava em fazenda na região, mas, nos dias de folga, dormia na casa da mãe.

Na segunda-feira, ele chegou, por volta das 20h, recusou o jantar proposto pela mãe e saiu dizendo que iria para a casa da namorada. Retornou instantes depois e surpreendeu a mãe na porta do banheiro no momento em que ela saía do banho. Depois de abusá-la sexualmente, o filho se deitou no sofá e dormiu.

A idosa denunciou o caso à polícia e o homem foi preso em flagrante, mas nega ter cometido o crime. “Disse que esteve na casa da mãe, mas nega o estupro. Porém, exame confirmou a conjunção carnal”, disse Sandra Regina.

A delegada também declarou à reportagem do Portal Correio do Estado, que o homem não faz uso de entorpecentes somente de bebida alcoólica, mas no momento do ato não estava alcoolizado. “A mãe está inconformada. Não sabe dar explicação para o que aconteceu. O filho nunca tinha dado indícios de que cometeria a violência”, enfatizou.

Leia Também