Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

SOLIDARIEDADE

Enzo tem 9 meses e precisa de ajuda para tratar problema de saúde

Bebê tem obstrução pulmonar e família faz vaquinha para que ela possa fazer tratamento em casa
18/10/2019 18:45 - GLAUCEA VACCARI


 

Enzo Felipe Ortiz tem apenas 9 meses de vida e já enfrenta um drama. Internado no Hospital Universitário de Campo Grande com quadro de pneumonia e atelecasia, ele precisa de um respirador mecânico e outros equipamentos para receber alta e continuar o tratamento em casa. Para que isto seja possível, família criou uma vaquinha virtual, para levantar recursos e adquirir os materiais necessários para liberação do bebê. Conforme levantamento feito pela família de Enzo, para comprar todo equipamento será necessário R$ 40 mil.

O bebê é portador de Atrofia Muscular Espinhal (AME) e equipe médica que cuida dele suspeita que os problemas pulmonares possam ser decorrentes da doença degenerativa, que causa hipotonia – fraqueza muscular generalizada, e prejudica os movimentos voluntários simples, como segurar a cabeça, sentar, deglutir, andar e respirar.

Material para teste genético que vai confirmar o diagnóstico já foi coletado e a família aguarda resultado.

Enzo está em tratamento intensivo no hospital e contraiu infecções pulmonares devido à internação. Ele apresenta quadro de pneumonia e atelectasia, ou seja, obstruçao dos brônquios e severo comprometimento pulmonar, e só poderá ir para casa com o respirador mecânico e uma série de equipamentos de alto custo, que a família não tem condições de adquirir.

Laudo assinado por médicos intensivistas pediátricos aponta que Enzo necessita de um BIBAP com máscara nasal (respirador mecânico), sonda nasoenteral (número 8) a ser trocada a cada três meses, aspirador portátil, sonda de aspiração traqueal estéril (número 8 – uso de 6 unidades ao dia), além de luvas descartáveis e medicamentos.

“Já demos entrada no Ministério Público para solicitar os equipamentos, que são um direito do Enzo, mas todos sabem como essas coisas são demoradas e burocráticas. Enquanto isso ele está internado, já teve infecções pulmonares graves e corre o risco de ter outras. Enquanto isso, corremos contra o tempo para levantar esse dinheiro”, afirma Mayara Felipe Rufino, mãe do bebê.

Quem quiser contribuir, pode acessar a vakinha virtual criada para este fim ou doar qualquer valor na conta do pai do Enzo, Thiago Ortiz dos Santos (CPF 728.529.091-20), conforme dados abaixo:

Caixa Econômica
Agência 1108
Poupança 013
Conta 0006858-6

Felpuda


Figurinha começou a respirar aliviada, embora ainda esteja na corda bamba. Isso porque mudou de mãos o processo cuja sentença poderá mandá-la para casa definitivamente. Assim, pela “jurisprudência” com a qual o “analista” é conhecido, pode ser que o resultado seja bastante favorável, permitindo que a então desesperada pessoa continue com o assento em Brasília. Vamos ver!