Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

OBRAS REVIVA

Energisa altera desligamento de energia para 14h às 18h

Horário combinado causou reclamação de alguns comerciantes

19 JUL 19 - 18h:00ALINE OLIVEIRA

O horário de trabalho indicado pela concessionária de energia de Mato Grosso do Sul, Energisa, para execução das obras de adequação no sistema elétrico da área central de Campo Grande foi alterado. 

Desta forma, neste sábado (20), a energia será interrompida das 14h às 18h, na Rua Maracaju, entre a 13 de Maio e 14 de Julho. 

No cronograma de trabalho constam os seguintes trabalhos: extensão de redes de distribuição em 13,8KV para adequação do sistema elétrico existente e instalação de religadores de distribuição, e postes que serão utilizados para fazer a transição da rede aérea para a rede subterrânea.

Inicialmente, o serviço seria realizado das 12h às 18h, porém, atendendo aos pedidos de alguns comerciantes, a empresa alterou o horário, a fim de não prejudicar quem permanece com comércio aberto depois do almoço. 

A remoção dos postes no trecho entre a Avenida Mato Grosso e Avenida Fernando Corrêa da Costa será a última etapa, e será realizada após a finalização de duas frentes, sendo elas: conclusão e comissionamento de toda a infraestrutura elétrica (de responsabilidade da construtora responsável pelo Reviva Campo Grande) e também após a retirada de todos os cabos das empresas de telefonia e internet, sendo essa etapa de total responsabilidade das empresas de telecom.

ESCLARECIMENTO

A concessionária explica ainda, que os clientes impactados pela interrupção no fornecimento de energia, em ambos os trechos, foram informados por meio de publicação de edital em jornais de grande circulação e rádios, envio de cartas e publicação no site da concessionária.

*Com informações da Ascom Energisa

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Homem é preso por compartilhar cenas de abuso sexual infantil

HABITAÇÃO

Governo diz que 177 mil moradias já foram contratadas este ano no País

Incêndio assusta no Parque dos Poderes
CAMPO GRANDE

Incêndio assusta no Parque dos Poderes

Grupo protesta contra queimadas na Amazônia na Afonso Pena
NA AFONSO PENA

Grupo protesta contra queimadas na Amazônia

Mais Lidas