BOLETIM

Em uma semana, mais três mortes por dengue são confirmadas no Estado

Número de notificações e confirmações também aumentaram
23/05/2019 14:30 - FÁBIO ORUÊ


 

Uma criança de 7 anos, um idoso de 68 anos e uma mulher de 48 anos são as novas vítimas da dengue, que se juntam a outros 18 casos de mortes confirmados pela Secretaria de Estado de Saúde (SES), em Mato Grosso do Sul, conforme boletins epidemiológico divulgado hoje (23).

Segundo o levantamento, a criança era moradora de Campo Grande, morreu no dia 1º de maio; em Dourados, o idoso faleceu no dia 14 deste mês; e a mulher, de Coxim, no dia 17. O aumento também aconteceu no número de notificações e de casos confirmados.

Em uma semana, foram registradas mais 1.465 confirmações de dengue no Estado. Até o dia 15 de maio eram 14.526 casos, subindo para 15.991 até quarta-feira (22).

Já as notificações foram de 33.751, para 36.125. Ainda segundo o boletim epidemiológico, dos 79 municípios do Estado, 70 registram alta incidência de dengue, incluindo Campo Grande, e os outros nove municípios registram média incidência da doença.

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".