Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

FRETE

Dupla alega não saber que transportava 1.154 kg de maconha em caminhão

Tabletes de droga estavam escondidos em fundo falso de veículo
12/07/2017 09:00 - VÂNYA SANTOS


 

Luís Fernando Lopes, de 32 anos, e David Teixeira de Lima, 28 anos, foram presos ao serem surpreendidos transportando 1.154 quilos de maconha. Flagrante aconteceu por volta das 18h30 de ontem, durante fiscalização da Polícia Militar Rodoviária no km 242 da MS-156, na cidade de Amambai.

Luís conduzia caminhão baú, placas de Jaraguá do Sul (SC), quando foi abordado por militares. Na ocasião, veículo estava descarregado e também era ocupado por David. A dupla disse aos policiais que o caminhão estava vazio porque levaram uma mudança até Ponta Porã.

Depois de descobrir que Luís estava com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) vencida, policiais resolveram vistoriar o veículo e foi quando descobriram que no baú havia um compartimento secreto com vários tabletes de maconha.

Diante do flagrante, dupla garantiu que não sabia da droga. Luís disse que receberia R$ 4 mil pelo frete da mudança, enquanto David disse que receberia R$ 500 de Luís por ajudar no transporte.

Os dois disseram ainda que no último dia 09 foram abordados pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), na BR-463, e Luís foi multado por estar com a CNH vencida, no entanto, o veículo foi liberado porque nada de ilícito foi encontrado.

Com a dupla, militares apreenderam dinheiro e três aparelhos celulares. Os presos, a droga e o veículo foram entregues na Delegacia de Polícia Civil.

Felpuda


Político experiente tem repetido que não é o momento de falar em eleições. O momento é de tensão, de incertezas políticas e econômicas – como se o País fosse uma ilha de preocupações cercada pelo coronavírus por todos os lados. Em Mato Grosso do Sul, onde já se registrou morte pela doença e o número de casos só tende a subir, não poderia ser diferente. “É suicídio político para quem ousar falar em eleição neste momento”, conclui. Só!