JARDIM E BONITO

Operação para combater fraudes em combustíveis <br> é feita em 2 cidades

Operação conta com delegacia especializada, Procon e Agência Nacional
19/08/2015 08:13 - LAURA HOLSBACK


 

Duas cidades de Mato Grosso do Sul são alvos de operação de fiscalização para testar a qualidade e combater fraudes em combustíveis, vendidos em postos de abastecimentos. A ação começou ontem (18) e segue até esta quarta-feira (19), em Jardim e Bonito.

De acordo com informações da assessoria de imprensa da Polícia Civil, a operação é desempenhada pela Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Contra as Relações de Consumo (Decon), Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) e o setor de defesa ao consumidor (Procon).

O objetivo é verificar o teor de etanol na gasolina, cuja porcentagem estabelecida é de 27%. Também, se a adição de água não passa do nível aceitável de 3% e se a adição de biodiesel no diesel não ultrapassa 7%.

Em caso de possíveis irregularidades, amostras são colhidas para posterior análise na Universidade Federal de Goiânia. Se constatada fraude, é possível aplicação de multa e, em casos extremos, prisão em flagrante do responsável pelo estabelecimento.

smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".