Quarta, 13 de Dezembro de 2017

prejuízo ao crime

DOF apreende R$ 9,7 milhões de cigarros contrabandeados de uma só vez

Esquema utilizava oito veículos, entre carretas e caminhões

7 DEZ 2017Por DA REDAÇÃO07h:00

O Departamento de Operações de Fronteiras (DOF) realizou na madrugada de ontem uma apreensão recorde de cigarros contrabandeados do Paraguai. Seis carretas e dois caminhões- baú  foram apreendidos entre o distrito de Vista Alegre e a cidade Maracaju, havendo uma estimativa de que transportavam perto de 390 mil pacotes do produto - cerca de 7.800 caixas. 

De acordo com as informações do próprio DOF, a carga está avaliada em aproximadamente R$ 9,7 milhões. O primeiro veículo foi apreendido por volta de 2h e os demais na sequência, em pontos nas rodovias MS-164 e BR-267. Somente motoristas de três veículos foram presos.

Ainda segundo o comando do departamento, o trabalho é resultado de ações do serviço de inteligência, seguindo-se ao monitoramento do contrabando em território brasileiro. Pela manhã, os veículos foram removidos para a sede  da instituição, em Dourados, para descarga e contagem da carga. 

O secretário estadual de Justiça e Segurança Pública, José Carlos Barbosa, atribuiu o resultado da operação de ontem não só às características do trabalho do Departamento de Operações de Fronteira, que age não apenas de forma ostensiva em rodovias e estradas vicinais, mas também apoiado pelo rastreamento de dados levantados pelo seu serviço de inteligência. 

Segundo ele, apesar de atuar com um efetivo pequeno, diante da extensão da faixa fronteiriça, o DOF tem tido mobilidade em suas ações.

Conforme José Barbosa, êxito semelhante tem sido observado no combate ao tráfico, tanto que durante todo o ano passado o grupo apreendeu  60 toneladas de maconha, e neste ano, até o mês de novembro, o volume interceptado da droga paraguaia já havia atingido quase 97 toneladas.


*Leia reportagem, de Thiago Gomes, na Edição de hoje do jornal Correio do Estado.
 

Leia Também