Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Violência Doméstica

Descontrolado, homem tenta matar esposa, esfaqueia primo e queima casa

Caso aconteceu na noite de ontem em uma fazenda na cidade de Iguatemi; autor foi preso

16 JUL 17 - 12h:18RENAN NUCCi

Alexandro Estevão Nogueira, 23 anos, foi preso pela Polícia Militar na noite de ontem, em uma fazenda no município de Iguatemi, depois de atacar toda a família. O homem tentou matar a esposa com uma espingarda, mas não o fez porque não tinha cartuchos. Mesmo assim, usou a arma para bater nela e nos filhos, esfaqueou o primo que tentou impedi-lo e depois incendiou a casa.


Conforme apurado, a fazenda onde os fatos ocorreram fica a cerca de 50 quilômetros do Centro da cidade, no sentido à rodovia MS-180. Estevão chegou em casa embriagado e pediu para a mulher preparar a janta. Entrou no quarto, saiu dizendo que estava perdido, foi para os fundos do imóvel e depois voltou na direção dela, puxando-a pelos cabelos e jogando-a no chão com o filho de colo.


Em seguida, se armou com a espingarda e, sem poder atirar, bateu nela e nos filhos com o cano da arma. O primo, que percebeu as agressões, entrou em luta corporal com Estevão e acabou esfaqueado no peito. As vítimas então saíram em busca de ajuda, oportunidade em que o autor incendiou  a casa. A Polícia Militar conseguiu detê-lo e levá-lo para a delegacia. Os feridos receberam atendimento médico e não correm risco de morte.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Vereadores pedem prestação <BR>de contas do Reviva Centro
PROJETO MILIONÁRIO

Vereadores pedem prestação de contas do Reviva Centro

OAB vai entrar com ação para impedir obra da Sanesul às margens de rio
AUDIÊNCIA PÚBLICA

OAB vai entrar com ação para impedir obra da Sanesul às margens de rio

Juiz da infância de Dourados é promovido a desembargador do TJMS
PROMOÇÃO

Juiz da infância de Dourados é promovido a desembargador

Rádio, impresso e tv são meios com maior credibilidade junto à população
PESQUISA

Rádio e impresso são meios com maior credibilidade

Mais Lidas