Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

PROGRAMA

Demandas de prefeitos serão atendidas e escolas serão reformadas

Outros pedidos são na área de infraestrutura e saúde

13 SET 19 - 14h:38IZABELA JORNADA

Prefeitos de vários municípios de Mato Grosso do Sul estão levando demandas para o governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB). Um dos pedidos que estão mais sendo feitos é o de restauração das escolas estaduais.

O programa do governo, denominado Governo Presente, está no segundo dia. A ideia é visitar os municípios para ouvir as demandas de investimentos para as mais diversas áreas, principalmente infraestrutura, educação e saúde.

Em contrapartida aos pedidos, o governador adiantou que muitas demandas já eram prioridades do governo. “Na área de saneamento, obras que já íamos iniciar, recuperação de vias públicas. Um exemplo: em Três Lagoas o prefeito Ângelo Guerreiro pactuou de fazermos juntos drenagem e pavimentação de dois bairros e fazer o acesso ao Hospital Regional. [O acesso] é uma prioridade de Três Lagoas e do Governo porque nós vamos entregar o hospital e o acesso lateral para que não tenha o risco de as pessoas transitarem pela BR”, disse Reinaldo Azambuja.

O governador afirmou ainda que as solicitações dos prefeitos demonstram que existe uma sintonia entre o que pensam o cidadão, as lideranças municipais e os representantes do governo estadual. Na área de educação a proposta é de reformar todas as escolas estaduais, o que também é uma demanda dos prefeitos. “Temos 364 escolas estaduais em todos os municípios. Já reformamos 176 nos primeiros quatro anos de mandato. E a prioridade do Governo é reformar todas elas. Pode ter certeza: todas as escolas de Três Lagoas e do Estado passarão por reformas”, disse.

A proposta é de percorrer todas as regiões, levando toda a estrutura de governo, com os secretários estaduais, e atendendo representantes dos 79 municípios sul-mato-grossenses. A próxima edição será em Rio Verde, nos dias 19 e 20 de setembro, quando serão atendidos 13 municípios: Rio Verde, São Gabriel do Oeste, Sonora, Rochedo, Coxim, Pedro Gomes, Camapuã, Bandeirantes, Alcinópolis, Costa Rica, Corguinho, Jaraguari e Rio Negro.

Os prefeitos aprovaram a iniciativa. Para Ronaldo Miziara, de Paranaíba, a proposta facilita a gestão dos prefeitos e aproxima a administração estadual das demandas da população. “Isso é muito importante porque tira aquele papo do prefeito ir para a Capital, onde tem uma estrutura muito grande e fica mais difícil. Hoje nós conseguimos corpo a corpo, junto com o governador, na presença de todos os seus secretários e deputados da região”, declarou o governador.

José Fernando Barbosa dos Santos, prefeito de Selvíria, também destacou o fato de não precisar se deslocar para Campo Grande para levar as reivindicações que irão atender à população. “Não precisamos ir até a Capital. O Governo veio até nós”, resumiu. O prefeito de Brasilândia, Antônio de Pádua Thiago, também ressaltou a importância desse novo canal de diálogo.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Homem é preso transportando <br> 150 filhotes de papagaios
ILEGALMENTE

Homem é preso transportando
150 filhotes de papagaios

Carreta tomba e pega fogo em rodovia após motorista passar mal ao volante
SÃO GABRIEL DO OESTE

Carreta tomba e pega
fogo em rodovia

Homem morre e três ficam feridos após acidente em rodovia
INTERIOR

Homem morre e três ficam feridos após acidente

Três deputados de MS querem investigar Moro e Dallagnol
CPI DA LAVA JATO

Três deputados de MS querem investigar Moro e Dallagnol

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião