Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

NESTE ANO

De janeiro a maio, Santa Casa <br>registrou 17 doações de órgãos

Nesta semana, foram captados rins e córneas de mulher de 60 anos
15/06/2019 17:18 - GLAUCEA VACCARI


 

De janeiro a maio deste ano, a Santa Casa de Campo Grande registrou 17 doações de órgãos, que resultaram na captação de 26 rins, oito fígados e um coração, segundo a Organização de Procura de Órgão (OPU). Em junho, a última captação de tecidos e órgãos aconteceu na quinta-feira (13).

Segundo o hospital, uma mulher de 60 anos que sofreu traumatismo crânio encefálico (TCE) evoluiu para morte encefálica nesta semana e foi autorizada a doação de órgãos.

Foi feita a captação de córneas e rins da doadora, sendo um dos rins encaminhado para o Rio Grande do Sul por meio de voo comercial, enquanto o outro foi transplantado em uma paciente do interior do estado, compatível com o órgão, que segue estável e em observação no Centro de Terapia Intensiva (CTI).

As córneas doadas permaneceram no Banco de Olhos do hospital. 

Felpuda


Alguns políticos estão se aproveitando deste momento preocupante de pandemia para sugerir projetos oportunistas que, em alguns casos, são de resultados extremamente duvidosos. O mais interessante – para não dizer outra coisa – é que se for analisado o desempenho normal dessas figuras, verifica-se que essa preocupação toda nunca esteve no topo das suas prioridades. Ano eleitoral é assim mesmo. Lamentável!