Campo Grande - MS, segunda, 20 de agosto de 2018

Flagrante

Taxista é preso na fronteira com R$ 15 mil em roupas falsificadas

Esta seria a segunda vez que homem é detido transportando produtos importados sem nota fiscal

22 JUL 2017Por RENAN NUCCI14h:43

Fiscalização da Receita Federal prendeu na manhã deste sábado, na fronteira com a Bolívia, um taxista brasileiro de 46 anos que transportava R$ 15 mil em roupas. A suspeita é de que os produtos sejam falsificados, em razão de indícios encontrados durante vistoria. Esta seria a segunda vez que o homem transporta produtos sem documentação fiscal.


De acordo com o site Diário Corumbaense, o flagrante aconteceu na rodovia Ramão Gomez, que liga o município sul-mato-grossense de Corumbá ao país vizinho. Conforme apurado, o táxi vinha de uma estrada clandestina usada por criminosos conhecida como "Trilha do Gaúcho". O veículo e o material foram apreendidos e levados para a delegacia da Receita.

Leia Também