Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, sexta, 18 de janeiro de 2019

PREFEITO ELEITO DE CORUMBÁ

Ruiter Cunha é investigado pela Justiça Eleitoral por compra de votos

Ministério Público Eleitoral ingressou com ação contra chapa de Ruiter

25 OUT 2016Por GABRIEL MAYMONE17h:45

O prefeito eleito de Corumbá (MS), Ruiter Cunha de Oliveira (PSDB), é investigado pela Justiça Eleitoral soba acusação de compra de votos, abuso de poder econômico e uso indevido de meio de comunicação social. As informações são do Diário Corumbaense.

O Ministério Público Eleitoral ingressou com ação, solicitando, além de multa, a cassação do diploma de prefeito e do vice, Marcelo Aguilar Iunes, assim como a cassação dos registros e declaração de inelegibilidade.

O advogado do prefeito eleito, Valeriano Fontoura, disse que não tem conhecimento oficial da ação. “Ninguém sabe qual é o teor dessa ação. O Ministério Público, na função de fiscalização, tem todo o direito de propor as ações, assim como outras coligações e outros candidatos”, declarou e, por conta disso, “a defesa está tranquila, mas obviamente vamos saber o que o Ministério Público está alegando”.

De acordo com a defesa do prefeito eleito, “não se impede sob nenhuma hipótese, a diplomação do candidato eleito sob argumentação de ajuizamento de ação. O que a legislação estabelece é que para que haja cassação de um diploma, ocorra a cassação do mandato, se dê com o trânsito em julgado da decisão condenatória, ou seja, quando todas as instâncias forem esgotadas”, finalizou o advogado.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também