Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

terça, 19 de fevereiro de 2019 - 05h51min

IRREGULARIDADES

Conveniência é autuada por vender produtos vencidos há mais de cinco meses

Cervejas e produtos perecíveis vencidos foram descartados em Sidrolândia

13 FEV 19 - 17h:15GLAUCEA VACCARI

Loja de conveniência e comercialização de pães foi autuada pela Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon) por vender produtos com o prazo de validade expirado há mais de cinco meses, nessa terça-feira (12), em Sidrolândia.

De acordo com o Procon, denúncia foi feito por meio do Fale Conosco do site do órgão e equipe se deslocou até o município para verificar a situação. 

Fiscais constataram que o alvará de funcionamento e localização do estabelecimento comercial está vencido desde dezembro do ano passado e encontraram ainda vários produtos com a validade vencida expostos para venda, sendo alguns com prazo expirados desde agosto de 2018.

Entre os produtos, havia 24 garrafas de cerveja de marcas diversas, suco de frutas, água de coco, café solúvel, achocolatado, biscoitos, aperitivos de amendoim, croissant e mortadela, que foram descartados. 

Auto de infração foi expedido e a loja notificada a regularizar a situação quanto ao alvará. 

Superintendente do Procon, Marcelo Salomão, orienta que “todo consumidor, mesmo morador de cidades do interior do Estado, que se sentir prejudicado ou que notar irregularidades na comercialização de quaisquer produtos, deve entrar em contato com o órgão estadual que, após verificada a procedência da denúncia, poderá determinar que equipes se dirijam até o local e autuem os responsáveis pelo estabelecimento infrator”.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Nova regra obriga fechamento  de barragem em MS
MINERAÇÃO

Nova regra obriga fechamento de barragem em MS

Em 1 ano, 68 mil  deixam planos de saúde
SAÚDE

Em 1 ano, 68 mil deixam planos de saúde

BRASIL

Prefeito é investigado por mandar funcionários assistirem a show de noiva

BRASIL

Casal de empresários doa R$ 40 milhões para hospital que atende SUS

Mais Lidas