Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Impasse

Conflito em Antônio João provoca queda nas vendas

Situação reflete negativamente na economia da cidade de ao menos 10 mil habitantes

8 SET 15 - 00h:00DA REDAÇÃO

O recente conflito influenciado pela disputa de terra envolvendo indígenas e fazendeiros, em Antônio João, cidade distante 282 km de Campo Grande além de ter provocado a morte de um índio, já reflete negativamente na economia da cidade de ao menos 10 mil habitantes, na fronteira de Mato Grosso do Sul com o Paraguai. 

A crise que perturba a maioria dos brasileiros acentuou-se no município, principalmente no comércio, segmento que mais emprega e onde o estrago financeiro, é maior. “[O confronto] Já teve impacto em nossas receitas, os indígenas também compram em nosso comércio e o dinheiro deles é muito importante para nossa arrecadação, assim como também é muito importante a movimentação financeira dos fazendeiros. Então todos nós do município saímos perdendo com esta incerteza”, disse Selso Louzada, prefeito de Antônio João, também comerciante.

Desde o conflito, ao menos 1,5 mil índios que habitam áreas ao arredor da cidade não aparecem na região urbana. No pico do embate, duas semanas atrás, os fazendeiros, durante o dia, trancaram dois pontos da rodovia MS-384, na entrada e saída do município. Isso espantou os principais fornecedores do comércio local, que vêm de Campo Grande, Ponta Porã e Dourados.

(*) A reportagem de Celso Bejarano  e Gildo Tavares (enviados especiais a Antônio João) está na edição de hoje do Correio do Estado.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

CIFRA NEGRA

Câmara arquiva denúncia que pedia a cassação de ex-presidente da Casa

Idenor Machado foi preso em operação que apura suposto esquema de corrupção
Rixa entre caciques motivou operação da PF em aldeia e dois foram detidos
PAZ NO CAMPO

Rixa entre caciques motivou operação da PF em aldeia

Novo corte federal afetará estados, diz Azambuja
PREOCUPANTE

Novo corte federal afetará estados, diz Azambuja

Camelódromo é destino final da maioria de celulares roubados
OPERAÇÃO MARTIN COOPER

Camelódromo é destino da maioria de celulares roubados

Mais Lidas