Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CUIDADOS ESPECIAIS

Confira dicas importantes para o uso seguro de energia elétrica durante o Carnaval

Vídeos com orientações para foliões e organizadores de eventos estão nas redes sociais
23/02/2020 07:43 - Bruna Aquino


 

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), com o apoio das agências estaduais conveniadas, como a Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Mato Grosso do Sul (Agepan), divulgou dicas valiosas de segurança no uso e cuidado com a energia elétrica durante os dias de carnaval. Aproveitar em segurança é a melhor forma de diversão. 

A campanha utiliza as redes sociais para disseminar, em vídeos divertidos, orientações para evitar acidentes e garantir o bem-estar na hora de festejar ou de organizar eventos carnavalescos.

Confira algumas dicas abaixo:

Para o folião:

  • Fique atento ao uso de fantasias com hastes, sombrinhas e bastões de selfie para não encostar por engano em fios energizados. É indispensável respeitar as distâncias da rede elétrica.
  • Nunca saia descalço para a folia. Abuse de calçados com solado emborrachado. Além de confortáveis, são isolantes.
  • Serpentinas metálicas são extremamente perigosas e devem ser evitadas.
  • Água e energia elétrica não combinam. Se estiver com o corpo molhado não mexa em nada com energia.
  • Tenha cuidado redobrado com tomadas e equipamentos elétricos.
  • Nunca suba em postes, marquises ou árvores, nem tente afastar os fios. Um choque elétrico pode ser fatal.

Para quem está preparando uma grande festa com barracas, palco ou sistemas de iluminação e som fique alerta:

  • Caso planeje acessar a energia da rede pública para energizar a festa, fale com a distribuidora e solicite o fornecimento provisório de energia elétrica. Principalmente: contrate um profissional qualificado para efetuar todo o projeto elétrico do evento.
  • É obrigatório que as instalações estejam adequadas e seguras, com aterramento de estruturas metálicas, isolamento de cabos e fios e que respeite as distâncias de segurança mínima.
  • Se o evento inclui palcos, carros alegóricos, trios elétricos e outras estruturas, verifique se estão bem afastados da rede elétrica.
  • Organizadores de desfiles e trios elétricos devem analisar o trajeto a ser percorrido e manter os veículos na altura permitida por lei, já contando com as pessoas em cima dele.

 

*Com informações do Governo do Estado

Felpuda


Malfeitos que teriam sido praticados em tempos não tão remotos podem ser a pedra no caminho de pré-candidatura que está sendo costurada. As conversas ainda estão nas “ondas da rádio-peão”, mas, com a proximidade da campanha eleitoral, há quem diga que isso se tornará uma tremenda dor de cabeça para quem vai enfrentar as urnas. Pior:  o dito não seria culpado direto, mas sim a sua...  Bem, deixa rolar para ver onde vai parar.