Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CAMPO GRANDE

Comerciante fica 4 horas refém de bandidos em roubo de caminhonete

Vítima foi abordada na porta de sua casa por dupla
25/06/2019 09:34 - RAFAEL RIBEIRO


 

Um comerciante de 54 anos foi sequestrado e mantido refém por quatro horas de bandidos que tentaram levar sua caminhonete Hilux na madrugada desta terça-feira (25), no bairro Coophatrabalho, região oeste de Campo Grande.

Segundo o registro da ocorrência, o caso aconteceu por volta das 0h, quando a vítima foi estacionar na garagem o veículo, que estava parado em frente à sua casa e acabou abordado por uma dupla armada.

Testemunhas ouvidas pela polícia relatam que o comerciante chegou a  pedir calma aos bandidos. Mas acabou sendo levado com eles. Um Fiat Uno estaria dando cobertura e faria parte da quadrilha.

Policiais civis da Depac Centro, onde o caso foi registrado, descobriram que o comerciante foi levado a um cativeiro nas cercanias do Indubrasi, distrito industrial da Capital. E acabou libertado pelos acusados no Jardim Imã, também na região oeste 

A vítima não apresentou ferimentos e a dupla fugiu levando a caminhonete. Ambos não haviam sido identificados até a publicação desta reportagem. O caso será investigado pela Delegacia Especializada de Furtos e Roubos de Veículos.

Felpuda


Em uma das eleições em MS, candidato já oficializado na convenção corria o trecho para conquistar os eleitores. Mal sabia, porém, que time do seu partido e de aliados estava tramando sua derrubada para emplacar substituto que teria mais votos. Por muito pouco, o dito-cujo não foi guilhotinado, conseguindo salvar o pescoço. Agora tudo indica que o mesmo processo estaria em andamento e seria mais fácil, pois a “vítima” desta vez ainda é só pré-candidato. Dizem que a “turma da trairagem” tem know-now no assunto.