Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, terça, 13 de novembro de 2018

RECURSOS DO EXTERIOR

Em Brasília, prefeito Marcos Trad pede
US$ 80 milhões para investir em obras

Marcos Trad quer recursos para aplicar em drenagem e mobilidade urbana

4 JUL 2017Por Izabela Jornada09h:18

Com objetivo de investir na drenagem de Campo Grande e também em mobilidade urbana, o prefeito Marcos Trad vai a Brasília amanhã (05) para angariar recursos. Um dos empréstimos será do exterior e está avaliado em US$ 80 milhões. 

Para tratar de financiamentos com parceiros público-privados e buscar recursos, Marcos irá ao Ministério do Planejamento para pedir valores por meio do Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF). Já na Caixa Econômica Federal (CEF), o prefeito formalizará o programa de Parceria Público-Privada para investimento em mobilidade urbana, habitação, iluminação e nas obras do Centro de Belas Artes.

O prefeito completa agenda no Ministério das Cidades, onde falará sobre o Programa Avançar.

Já no Ministério do Planejamento, Marcos Trad quer viabilizar empréstimo internacional de US$ 80 milhões para financiamento de projetos de infraestrutura urbana.

Se aprovado, o recurso será utilizado para resolver os problemas de drenagem e requalificação do centro, que inclui o quadrilátero da Avenida Calógeras, Rua Padre João Crippa, Avenida Fernando Corrêa da Costa e Avenida Mato Grosso. Esse quadrilátero terá melhorias com recapeamento, recuperação das calçadas, acessibilidade, mobilidade urbana, com troca de mobiliária que inclui instalação de lixeiras, bancos, lâmpadas de Led, paisagismo e arborização.

No Ministério do Planejamento, o prefeito buscará informações sobre o novo programa de financiamento do Governo Federal, o Avançar Cidades. O programa, que será dividido em duas modalidades (saneamento e mobilidade), garantirá investimento em pavimentação, iluminação pública e obras de saneamento.

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também