Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

FESTA CLANDESTINA

Com 56 prisões até agora, Guarda fecha festa com mais de 80 na Capital

Enquanto as festas continuam, casos de Covid-19 aumentam a cada 24 horas
29/06/2020 11:50 - Bruna Aquino


Mesmo com a mudança do horário no toque de recolher, o frio e o aumento de casos do novo coronavírus em Campo Grande neste fim de semana não abalou os planos de festas clandestinas espalhadas pela cidade. 

Com a prisão de 56 pessoas por organizar festas proíbidas nos últimos 33 dias, a Guarda Civil Metropolitana conseguiu frustrar mais uma comemoração inadequada com mais de 80 pessoas, entre eles adolescentes, no bairro Portal Caiobá, região sul, na madrugada desta segunda-feira (29). Confira o vídeo ao final.

E não é só no fim de semana que as festas estão "a todo vapor". Na última quinta, a Guarda fechou uma festa escondida dentro de bar com cerca de 100 jovens no Jardim Campo Nobre e muita bebida alcoólica. 

Para o secretário Municipal de Segurança Pública, Valério Azambuja, os responsáveis por festas que estão causando aglomerações e colocando a saúde das pessoas em risco por conta do contágio estão sendo penalizados e estão respondendo por processos judiciais que envolvem crimes de desobediência e riscos a saúde pública de Campo Grande. 

“A palavra é consciência. As pessoas têm que colocar em prática ser consciente, não tem necessidade de sair sexta, sábado e domingo e acabar se somando a uma parcela que está errada, a população deve contribuir, nesse exato momento e quanto menos pessoas na rua e festas, teremos a situação sob controle”, disse. 

Segundo a Guarda, durante o toque de recolher estabelecido em Decreto Municipal com novo horário, só na madrugada desta segunda, cinco pessoas foram encaminhados à delegacia por violar a Medida Sanitária Preventiva, sendo um deles, preso por tráfico de drogas.

AUMENTO DE CASOS

Enquanto os servidores da Guarda precisam encontrar ‘esconderijos de diversão’ durante a noite, no dia a dia, aumenta o número de infectados em todo o Estado. 

Hoje, Mato Grosso do Sul chegou a 7.676 casos acumula 75 mortes. Entre ontem e hoje, mais 149 casos foram confirmados. Desses novos casos, 53 foram registrados em Campo Grande que soma 2.028 casos da doença. 

 
Festa proibida com menores de idade no Portal Caiobá - Reprodução
 

Felpuda


Figurinha começou a respirar aliviada, embora ainda esteja na corda bamba. Isso porque mudou de mãos o processo cuja sentença poderá mandá-la para casa definitivamente. Assim, pela “jurisprudência” com a qual o “analista” é conhecido, pode ser que o resultado seja bastante favorável, permitindo que a então desesperada pessoa continue com o assento em Brasília. Vamos ver!