Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

FUNDOS MUNICIPAIS DE SAÚDE

Cinco municípios de MS receberão <BR>R$ 6,5 milhões extras para a Saúde

Segundo o ministro Marun, recursos serão usados para aquisição de ambulâncias
28/12/2018 18:54 - GLAUCEA VACCARI


Cinco municípios de Mato Grosso do Sul receberão 6,5 milhões em recursos extras para a Assistência de Média e Alta Complexidade. Recursos referem-se a emendas parlamentares e a liberação foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União, nesta sexta-feira (28).

Ministro chefe da Secretaria de Governo, Carlos Marun, disse ao Correio do Estado que a liberação do recurso ocorreu na tarde de hoje, em Brasília, e que o valor deverá ser usado para aquisição de ambulâncias comuns. Ainda segundo o ministro, até o dia 31 de dezembro, novos recursos devem ser destravados para o Estado.

"Conseguimos a liberação desse recurso agora e vamos tentar, até o fim do ano, novas brechas para liberar mais recursos para o Mato Grosso do Sul e para o Brasil", disse Marun.

Conforme portaria publicada no Diário Oficial da União, do Ministério da Saúde, Campo Grande receberá R$ 2 milhões; Costa Rica, Coxim, Maracaju e Nova Andradina receberão R$ 1 milhão cada e Paranaíba receberá R$ 500 mil. Os valores serão destinados aos Fundos Municipais de Saúde.

O Fundo Nacional de Saúde deverá transferir os valor para os Fundos Municipais em até seis parcelas. Municípios deverão prestar contas sobre a aplicação dos recursos por meio do Relatório Anual de Gestão.

Felpuda


Político experiente tem repetido que não é o momento de falar em eleições. O momento é de tensão, de incertezas políticas e econômicas – como se o País fosse uma ilha de preocupações cercada pelo coronavírus por todos os lados. Em Mato Grosso do Sul, onde já se registrou morte pela doença e o número de casos só tende a subir, não poderia ser diferente. “É suicídio político para quem ousar falar em eleição neste momento”, conclui. Só!