Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quarta, 16 de janeiro de 2019

APÓS DECISÃO DO IBAMA

Cerca de 70 ovos de jacarés são retirados
da Lagoa Maior em Três Lagoas

Embriões foram encaminhados para pesquisas em Campo Grande

11 JAN 2019Por FÁBIO ORUÊ17h:48

Em continuação ao trabalho de retirada dos animais que habitam a Lagoa Maior, em Três Lagoas, 71 ovos de jacaré-do-papo-amarelo, que estavam em dois ninhos, foram retirados do local. Com autorização do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), as cápsulas embrionárias foram encaminhadas para uma universidade particular, em Campo Grande.

De acordo com a Prefeitura de Três Lagoas, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Agronegócios (Semea) fez a retirada das unidades na tarde de terça-feira (8). Um ninho tinha 34 e o outro 37 futuros jacarés. “Os ovos foram dispostos em uma caixa de isopor grande, forrada com o próprio material orgânico presente no ninho, composto principalmente de capim seco”, explicou biólogo da Semea, Flávio Henrique Fardin.

Após a coleta, os ovos foram levados, na quarta-feira (8), para Campo Grande, onde serão desenvolvidas pesquisas com os répteis. Flávio e o técnico ambiental Nilton de Castro Ramos, acompanharam a realocação dos ovos para encubação, os quais foram acondicionados em recipientes com temperatura e umidade controladas.

“Caso a encubação resulte em filhotes e a pesquisadora não se interessar em ficar com os mesmos, eles serão soltos na Reserva Particular do Patrimônio Natural Cisalpina, em Brasilândia”, finalizou o secretário da pasta Toniel Fernandes.

A reserva é a mesmo onde os jacarés que habitavam a Lagoa Maior foram levados, no ano passado, após decisão do Ibama de retirá-los, sob a alegação que o local não é habitat natural dos animais e representam risco aos frequentadores.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também