Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

PANDEMIA

Casos confirmados da Covid-19 sobem para 65 em MS

Secretário de Saúde alerta para a importância do isolamento social
05/04/2020 09:57 - Bruna Aquino


Nas últimas 24 horas, mais três casos do novo coronavírus foram confirmados em dois municípios de Mato Grosso Sul. Com isso, sobe para 65 o número de pessoas infectadas com o Covid-19 no Estado segundo boletim epidemiológico divulgado neste domingo (5) pela Secretaria Estadual de Saúde (SES).  

O paciente mais jovem dessa atualização tem 21 anos e viajou para São Paulo. Ele é o primeiro caso registrado no município de Chapadão do Sul, e já está em isolamento domiciliar com quadro de saúde considerado estável.  

Os outros dois casos positivos são de duas mulheres, de 47 e 88 anos residentes em Três Lagoas sem histórico de viagem recente. Ambas estão internadas no hospital da cidade e as famílias já estão em isolamento domiciliar onde ficarão por pelo menos 14 dias. 

Ainda conforme balanço, dos casos confirmados no Mato Grosso do Sul, 21 pessoas (32,3%) já estão isolamento domiciliar, 27 casos que estavam em quarentena não apresentam mais sintomas, 16 pessoas estão internadas, sendo 1 em leito público e 15 em leitos privados e o Estado continua o índice de uma morte. 

Durante boletim divulgado pela SES, o secretário da pasta Geraldo Resende comentou sobre a importância do isolamento social e que é visível  desobediência da quarentena por parte dos jovens. “Estamos vendo a partilhada das festinhas, roda de tereré, do chimarrão, do narguilé, que é muito prejudicial à saúde e vetor do vírus, temos um aplicativo de total sigilo, que dá a dimensão de como está o isolamento social, como está o comportamento de cada bairro em cada cidade, então estamos fazendo o apelo, as pessoas precisam ficar em casa”, disse.

PANORAMA 

Campo Grande concentra a maioria dos pacientes positivos para a Covid-19, com 43 casos, seguida por Dourados (6), Batayporã (5), Nova Andradina (3) e Três Lagoas (3). Tem um caso cada os municípios de Alcinópolis, Sidrolândia, Ponta Porã, Rio Verde de Mato Grosso e Chapadão do Sul.

 

*Colaborou Ricardo Campos Jr

*Matéria editada para acréscimo de informações

 

Felpuda


Outrora afinadíssimo com o presidente Jair Bolsonaro, parlamentar sul-mato-grossense começou a ser escanteado em consequência de uma das crises políticas de grande repercussão. A figura entrou em campo e botou falação sobre o que estava ocorrendo, e isso soou que só como crítica pesada ao governo, que, como não poderia deixar de ser, não gostou nadica de nada. Há quem diga que o dito-cujo é muito levado “pelo sangue”. Então, tá!...