Segunda, 21 de Maio de 2018

MOVIMENTO RODOVIÁRIA

Campo-grandense deve viajar menos
no feriado de Carnaval

Levantamento aponta redução de 6% no número de passageiros

9 FEV 2018Por ALINE OLIVEIRA15h:46

O movimento de passageiros na sexta-feira (9), considerado primeiro dia de carnaval ainda está tranquilo, apesar da estimativa divulgada pela concessionária do Terminal Rodoviário Antônio Mendes Canale, de que 24 mil pessoas devem viajar de ônibus entre os dias 9 e 14 de fevereiro. 

A pesquisa divulgada pelo Instituto de Pesquisa da Fecomércio-MS (IPF-MS) em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Sectur )  e Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) comprova esta afirmação visto que a quantidade de pessoas que pretende viajar baixou de 21,85% para 15,9%. Além disso, as que confirmaram a intenção devem reduzir os gastos de  R$277,63 para R$144,53.

Na avaliação do taxista, Pedro Vieira, que trabalha no terminal rodoviário desde a inauguração, não houve aumento significativo no número de corridas com a aproximação do feriado. "Apesar de ser o primeiro dia o movimento ainda está fraco, até porque muitas pessoas viajaram no final de ano e agora estão economizando", avalia o prestador de serviços. 

OUTROS DESTINOS

O aposentado Braz Cardoso Pereira, 76 anos, mora em Rio Verde do Mato Grosso e veio resolver pendências profissionais em Campo Grande. Ele conta que frequentemente faz o trecho Rio Verde-Campo Grande e sentiu uma movimentação maior. "Eu cheguei hoje cedo e resolvi tudo, mas, quando retornei aqui na rodoviária às 14h, quase não consegui passagem de volta. Acredito que o feriado deve contribuir para a lotação dos ônibus", observa.

Matilde Pereira Batista, 69 anos, mora em Corguinho e aguardava ônibus com destino a Jaraguari, a fim de visitar a família. "Enquanto alguns saem para descansar ou para festejar eu aproveito para visitar minha filha. Minha intenção é ficar pelo menos três dias na cidade", explica a dona de casa.

Rafaela Vila Maior, 18 anos, aguardava embarque para Ribas do Rio Pardo, para visitar a irmã e levar a sobrinha, Maria Heloisa, 12 anos, de volta para casa. "Trouxe ela para passar uns dias comigo e agora que ela precisa voltar estou aproveitando para descansar com a minha família", revela.

ROTINA DIFERENCIADA

Segundo a administração do Terminal Rodoviário as cidades mais procuradas neste período são: Corumbá, Ponta Porã, Rio de Janeiro, São Paulo, Porto Alegre e Goiânia. Os períodos mais movimentados para o embarque são os dias 9 e 10 de fevereiro, com previsão de seis mil pessoas saindo de Campo Grande. 

Serão disponibilizados ainda 22 carros extras, a fim de evitar que passageiros de última hora cheguem no terminal e fiquem sem embarcar. Maiores esclarecimentos podem ser obtidos no portal da concessionária 

 

Leia Também