terça, 14 de agosto de 2018

CAMPO GRANDE

Violência obstétrica é tema de audiência pública na Câmara Municipal

Reunião será realizada hoje (14) no Plenário Edroim Reverdito

14 AGO 2017Por MARESSA MENDONÇA11h:00

A violência obstétrica será tema de audiência pública na noite de hoje no Plenário Edroim Reverdito, na Câmara Municipal de Campo Grande. 

O debate está marcado para começar às 19h e foi convocado pela Comissão Permanente de Segurança Pública, que é composta pelos vereadores Delegado Wellington, Odilon de Oliveira, André Salineiro, Dharleng Campos e Otávio Trad.

Entre os temas que serão abordados está a tendência de realização de cesárias em hospitais e a necessidade de oferecer direito de escolha à mulher sobre o tipo de parto que deseja.

A violência obstétrica caracteriza-se pela apropriação do corpo e dos processos reprodutivos das mulheres pelos profissionais de saúde, por meio do tratamento desumanizado, abuso de medicação e transformação de processos naturais em atos médicos.

Em caso de violência obstétrica, a vitíma pode procurar a Defensoria Pública ou ligar para os telefones de número 180 (violência contra a mulher) ou 136 (disque saúde).

Serviço - A Audiência Pública será realizada no Plenário Edroim Reverdito, na sede da Câmara situada na Avenida Ricardo Brandão, nº 1.600, Bairro Jatiúka Park.

*Editada às 17h para acréscimo de informações.

Leia Também