Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quinta, 22 de novembro de 2018

Sem segurança

Veículos retidos no pátio do Detran
são alvo fácil para ladrões

Carros 'depenados' no pátio do Departamento de Trânsito viraram rotina

26 AGO 2017Por DA REDAÇÃO05h:30

Mesmo apreendidos, veículos que estão sob a custódia do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul (Detran-MS) são alvo de furtos e até de fraudes praticadas dentro do pátio do órgão, em Campo Grande e no interior do Estado.

O Sindicato dos Servidores do Detran (Sindetran) e até mesmo o diretor-presidente do local, Gerson Claro, confirmam os problemas. 

O sindicato diz que o acesso aos veículos é fácil, uma vez que são mantidos nos pátios sob vigia de empresas terceirizadas.

“Já soube que atrasaram muitas vezes o pagamento às empresas. Com isso, os funcionários também não recebem. Como podemos confiar em um serviço desses?”, questiona o presidente da entidade, Otacílio Sakai.

Apesar da insegurança, o titular do órgão de trânsito diz que todos os casos são investigados. “Tudo o que acontece, se envolve crime, a Corregedoria do Detran investiga e também a polícia especializada que temos lá. Nenhum caso deixa de ser apurado”, diz Claro, sem quantificar os casos de furtos que ocorrem enquanto os veículos estão no local.

Com longos períodos de estadia no pátio do Detran, alguns veículos, principalmente carros e motos, chegam a ficar meses e até anos lá, o que facilita a ação dos criminosos.

Entre os itens furtados, um dos preferidos é o som, mas o presidente do sindicato afirma que outros objetos menores também são levados pelos bandidos. 

*Leia reportagem, de Natalia Yahn, na edição de hoje do jornal Correio do Estado.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também