Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

RESGATAR CRÉDITOS

Tribunal de Contas
pede prorrogação de Refis

Projeto foi apresentado na Assembleia Legislativa

19 MAI 19 - 16h:18IZABELA JORNADA

Dívidas de municípios que foram sancionadas e aplicadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-MS) poderão ter prazo estendido para serem quitadas. A proposta foi apresentada pelo tribunal, na Assembleia Legislativa, e pedido de prorrogação é para que seja até o dia 2 de setembro de 2019.

O programa de regularização de débitos do tribunal tem objetivo de resgatar créditos ao Fundo Especial de Desenvolvimento, Modernização e Aperfeiçoamento do TCE. A lei foi sancionada no dia 20 de dezembro de 2018 e de acordo com o texto aprovado, a intenção é de, por meio do parcelamento, fazer política fiscal para recuperar créditos que possivelmente não seriam arrecadados e para que os inadimplentes se tornem regulares com o tribunal.

Sanções e multas aplicadas em municípios e órgãos públicos do estado poderão ser parceladas e recurso arrecadado será direcionado para reforma do tribunal.

Para o pagamento à vista o desconto é de 100% das multas e juros. Se a dívida for parcelada em seis vezes, o desconto é de 70%. Para o pagamento por meio de sete a 12 parcelas o desconto é de 50% e descontos de 30% para parcelamento de 13 a 18 parcelas.

Dívidas feitas até o dia 31 de outubro de 2018 poderão ser negociadas e uma das regras do Refis determina que o atraso no pagamento da renegociação da dívida, por três meses seguidos, terá o parcelamento reincidido mas perderá o desconto.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

BRASIL

Pesquisa mostra que 97% das mulheres já sofreram assédio em transporte

Nove são presos por suspeita de envolvimento com furto de cocaína em delegacia
INVESTIGAÇÃO EM SIGILO

Nove são presos por envolvimento com furto de cocaína em delegacia

BRASIL

MP que facilita leilões de bens apreendidos de traficantes é publicada

Decreto pode reduzir preço das passagens de avião no Estado
DECOLA MS

Decreto pode reduzir preço das passagens de avião no Estado

Mais Lidas