Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Agetran

Taxistas podem ter fraudado
INSS para obter licença

Ministério Público investiga esquema de falsificação de documentos

13 JUL 17 - 06h:30DA REDAÇÃO

Pelo menos 250 taxistas de Campo Grande trabalham de maneira irregular por terem fraudado documento federal da Previdência Social.

É o que afirma denúncia feita por ex-taxista e investigada pelo Ministério Público Estadual (MPE). Inquérito aberto na semana passada verifica “suposta falsificação de documentos para o fim de renovação da autorização para a condução de táxis”.

A investigação, como comentou o promotor à frente do caso, Adriano Lobo Viana de Resende, da 29ª Promotoria de Justiça do Patrimônio Público e Social, ainda está incipiente e carece de mais detalhamentos. Por enquanto, baseia-se somente na denúncia do taxista cassado José Carlos Áquila, que é presidente da Associação dos Taxistas Auxiliares de Campo Grande (Assotaxi). 

Pelo relato, existe “máfia de falsificações” dentro da Agência Municipal de Transporte e Trânsito (Agetran), que tolera e ainda auxilia na fraude da Declaração de Regularidade da Situação do Contribuinte Individual (DRSCI).

Tal declaração precisa ser emitida todos os anos para que os motoristas continuem exercendo a profissão. Pelo menos oito parcelas ao ano precisam ser pagas para que a Previdência libere o documento.

*Leia reportagem, de Lucia Morel, na edição de hoje do jornal Correio do Estado.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Vacina de febre amarela será aplicada em todos os municípios de MS
IMUNIZAÇÃO

Vacina de febre amarela será aplicada em todos os municípios de MS

Melhora da economia interrompe perda de popularidade de Bolsonaro
DATAFOLHA

Melhora da economia interrompe perda de popularidade de Bolsonaro

Minas vence o Praia Clube no tie-break e termina Mundial Feminino de vôlei em 5º
DISPUTA

Minas vence o Praia Clube no tie-break e termina Mundial Feminino de vôlei em 5º

Deputado do PT perde <br> CNH em blitz na Capital
FISCALIZAÇÃO

Deputado do PT perde
CNH em blitz na Capital

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião