Quinta, 14 de Dezembro de 2017

hospitais

Sesau quer plano para melhorar atendimento de alta complexidade

Medidas envolvem diretamente quatro unidades de saúde

20 JUN 2017Por NATALIA YAHN04h:30

Melhorar os serviços de alta complexidade oferecidos pela Santa Casa, Hospital Regional (HR), Hospital Universitário (HU) e Maternidade Cândido Mariano é parte da exigência da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) para que as unidades alcancem as metas estipuladas em contratualização com a Prefeitura de Campo Grande.

Além de fiscalizar os serviços prestados, o órgão promete cobrar mais qualidade. “A avaliação é feita periodicamente, não é coisa de hoje. Mas, antes, não eram tomadas as devidas providências em relação ao cumprimento do que está previsto em contrato”, afirmou Marcelo Vilela, titular da Sesau.

O superintendente de Relações Institucionais de Saúde do município, Antônio Lastória, confirmou a preocupação do município em qualificar os serviços oferecidos pelos hospitais.

“Não é uma questão de volume. Todos estão no limite do índice estabelecido em meta, que é de 91%. Mas soubemos depois que o Estado estipulou 80%. Então, provavelmente, vamos ficar no mesmo valor. Pacientes existem, mas os recursos são poucos”, disse. 

Leia Também