Campo Grande - MS, quarta, 15 de agosto de 2018

previdência

Servidor municipal vai contribuir
com mais R$ 1,7 milhão

Desconto em folha hoje é de R$ 6,5 mi, mas passará para R$ 8,3 mi

20 OUT 2017Por DA REDAÇÃO05h:00

O Instituto Municipal de Previdência de Campo Grande (IMPCG) vai arrecadar R$ 6.546.563,08 a mais, caso o reajuste das contribuições seja aprovado pela Câmara Municipal.

Desse total, R$ 1.792.617,24 sairá do bolso dos mais de 23 mil servidores municipais. O restante, R$ 4.753.945,84, será pago pela Prefeitura de Campo Grande.

A proposta aprovada pelo Conselho de Administração da Previdência Municipal (Caprev), no início desta semana, consiste no aumento de 11% para 14% de desconto no salário de cada servidor municipal, passando a arrecadação dos atuais R$ 6.546.563,08 para R$ 8.339.180,32 . 

A contribuição  patronal (da prefeitura) também aumenta, passando dos atuais 14% para 22%. Em reais, a arrecadação sairá de R$ 8.339.180,32 para R$ 13.093.126,16, portanto aumento de 57,14%. 

De acordo com a diretora-presidente do IMPCG, Camilla Nascimento de Oliveira, o reajuste não se trata de uma decisão definitiva e ainda será discutida.

“O próximo passo é aprovação pela Câmara”. Mesmo assim, ela afirma que o projeto de lei ainda não foi elaborado. 

*Leia reportagem, de Tainá Jara, na edição de hoje do jornal Correio do Estado.

 

Leia Também