Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Investigação

Se dizendo policial, homem invade residência e tenta matar mulher a facadas

Companheiro da vítima foi agredido

24 JUN 17 - 09h:00Natália Yahn

Mulher de 59 anos foi vítima de um ataque na madrugada dese sábado no Jardim Noroeste, em Campo Grande. Marlene Rodrigues Peixoto estava em casa quando as luzes apagaram, um homem que não teve o nome divulgado e vive com ela abriu a porta para verificar o que tinha acontecido. Ao mesmo tempo outro homem não identificado invadiu a casa afirmando ser policial e exigindo dinheiro, espancou o acompanhante da vítima e, em seguida, foi até o quarto onde esfaqueou Marlene. Ela foi ferida com três golpes profundos nas costas e três no peito.

A  filha da vítima informou para a Polícia Militar que a mãe - que é usuária de drogas - não conhece e nem sabe o nome do agressor. A mulher foi socorrida e levada ao Centro Regional de Saúde (CRS) do Tiradentes, mas devido a gravidade dos feriamentos foi transferida para a Santa Casa.

O caso foi registrado na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) Centro, por policiais militares que foram chamados ao CRS. 

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Lago será enchido até o fim de semana, mas voltará a ser esvaziado
PARQUE DAS NAÇÕES INDÍGENAS

Lago será enchido até o fim de semana, mas voltará a ser esvaziado

Regulamentação possibilita venda de produtos artesanais para outros estados
PERMISSÃO

Regulamentação possibilita venda de produtos artesanais para outros estados

Prefeitura abre duas investigações e julga 25 infrações contra Consórcio Guaicurus
CAMPO GRANDE

Prefeitura abre duas investigações contra Consórcio Guaicurus

ELEIÇÕES 2020

Puccinelli deixa a diretoria do MDB para ficar livre e auxilar partido no Estado

Ex-governador garante que não pretende ser prefeito da Capital

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião