Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Movimentos

Protesto a favor de Dilma também tem críticas ao governo

Manifestantes iniciaram concentração por volta das 9 horas, no centro da cidade

20 AGO 15 - 11h:24ALINY MARY DIAS E KLEBER CLAJUS

Movimentos sociais protestaram, na manhã desta quinta-feira (20), nas ruas do Centro de Campo Grande por mais direitos, liberdade e democracia. Apesar dos movimentos estarem ligados a atos de apoio a presidente Dilma Rousseff (PT), os manifestantes garantiram que entre as reivindicações também há críticas ao governo petista.

A concentração do protesto, no cruzamento das Ruas 14 de Julho com Barão do Rio Branco, começou por volta das 9 horas. Não houve passeata e os manifestantes ficaram concentrados nas calçadas.

Ao final do evento, cerca de 70 pessoas permaneceram com faixas e cartazes, mas estoma-se que no ponto alto da manifestação, aproximadamente 500 pessoas participaram do ato.

O presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Genilson Duarte, afirmou que o ato não foi realizado em apoio a Dilma, mas declarou que “não aceitamos impeachment sem ter consistência para isso”.

Dirigente do Movimento Sem Terra (MST), Marina Ricardo Nunes, afirmou que na pauta das reivindicações existem críticas ao governo petista, entre elas a reforma agrária, a demora na demarcação de terras indígenas.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Castração de gatos estará disponível nesta segunda
AGENDAMENTO

Castração de gatos estará disponível nesta segunda

Licitação pública de ponte sobre rio Paraguai será lançada no sábado
PORTO MURTINHO

Licitação pública de ponte
será lançada amanhã

Pela terceira vez, MPE quer <br> guardas municipais na prisão
PISTOLAGEM

Pela terceira vez, MPE quer
guardas municipais na prisão

BRASIL

MPF pede suspensão de urgência em concurso da Polícia Rodoviária Federal

Mais Lidas