Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Obrigatoriedade

Procurador de Justiça convoca reunião
e pai que faltar terá que pagar R$ 18,7 mil

Responsável que não participar poderá ser punido com multa de 20 salários

25 MAI 17 - 12h:40IZABELA JORNADA

O procurador de Justiça Sérgio Harfouche tem convocado pais e alunos de escolas do Estado e do município a participarem de palestras sobre aplicação de disciplinas nas escolas. Porém, o problema é que se os convocados não comparecerem, serão obrigados a pagar multa no valor equivalente a 20 salários mínimos, ou seja, R$ 18.740. "Para mim isso é condução coercitiva. Um absurdo", criticou o deputado estadual Pedro Kemp (PT).

O parlamentar petista também reclama que o procurador tem o costume de criticar Kemp durante palestras. "Ele tem me criticado porque o projeto de lei que ele criou não foi aprovado", disse o deputado.
Kemp se refere à proposta apresentada por Harfouche na Assembleia Legislativa, no início deste mês, e que visa atribuir a disciplina de alunos aos diretores de escolas. O petista é contrário a proposta. "Você concorda que diretora julgue se seu filho errou?", rebateu Kemp. Porém Harfouche defende que é melhor o aluno infrator ser julgado pelo diretor da escola do que ser encaminhado para delegacia. "Eu prefiro que o problema dos alunos seja resolvido nas escolas do que no ambiente onde marginais costumam estar", justificou o procurador.

Sobre a convocação que Harfouche está promovendo, Kemp diz ser prática de autoritarismo e pediu para que a base do Governo no Legislativo se manifeste sobre o assunto. "Sou contra esse tipo de encaminhamento. O Governo do Estado não autoriza essas reuniões. Vamos tomar providências", disse o líder do Governo na Casa, Rinaldo Modesto (PSDB).

O correligionário de Kemp, deputado Amarildo Cruz (PT), pediu que o Estado entre com ação contra o procurador. "Tem que criminalizar ele", finalizou o petista.

CONVOCAÇÃO
Procurador Sérgio Harfouche convocou reunião com pais e alunos hoje, às 19 horas, no Estádio Douradão, em Dourados. No documento de convocação, que fora encaminhado aos pais, a palavra OBRIGATÓRIA está em caixa alta.

Para os pais que não comparecerem será necessário justificativa sob pena de aplicação de multa no valor de três a 20 salários mínimos.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Vasco empata com Flamengo em clássico eletrizante
INCRÍVEL

Vasco empata com Flamengo em clássico eletrizante

Salário de negros teve queda ao mesmo tempo em que brancos ganharam mais
DESIGUALDADE SOCIAL

Salário de negros teve queda ao mesmo tempo em que brancos ganharam mais

Em escola, criança é impedida de ir ao banheiro e defeca na roupa
ENSINO ESTADUAL

Em escola, criança é impedida de ir ao banheiro e defeca na roupa

PRF inicia operação de feriado intensificando fiscalização nas rodovias
MOVIMENTO INTENSO

PRF inicia operação de feriado intensificando fiscalização

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião