Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, domingo, 18 de novembro de 2018

omep e seleta

Prefeitura de Campo Grande não sabe
quando pagará rescisões

Sindicato informa que faltam mais de 3,3 mil pagamentos

29 JUL 2017Por TAINÁ JARA04h:00

A Prefeitura de Campo Grande demitiu os 4,3 mil funcionários contratados irregularmente pelos convênios com Seleta Sociedade Caritativa e Humanitária (Seleta) e Organização Mundial para Educação Pré-Escolar (Omep), entretanto, ainda não tem prazo para pagar cerca de R$ 17 milhões em rescisões.

Acordo entre a administração municipal e a Justiça previa que até ontem os convênios teriam de ser completamente encerrados.

De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores em Entidades Culturais, Recreativas, de Assistência Social, de Orientação e Formação Profissional (Senalba), apenas 972 rescisões foram oficializadas e totalizam R$ 8.359.282,72 pagos.

O secretário municipal de Finanças, Pedro Pedrossian Neto, afirmou que não há como pagar os acertos de uma só vez. “Se fizermos o pagamento integral agora, comprometeremos a folha de pagamento dos servidores referente ao mês de julho”, justificou.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também