Quarta, 13 de Dezembro de 2017

Parceria

Prefeitura assina convênio para revitalizar Belmar; obra começa nos próximos 30 dias

Por dois anos de contrato, as empresas farão a manutenção da praça

7 DEZ 2017Por Leandro Abreu11h:51

Sete anos após a última revitalização, realizada em 2010, a praça Belmar Fidalgo será reformada através de uma parceria entre a Prefeitura de Campo Grande, a construtora Plaenge e a cooperativa Sicredi. A assinatura do convênio foi feita nesta quinta-feira (7) entre as partes, por meio do Programa de Parceria Municipal (Propam), que prevê a revitalização e manutenção do local. Em troca, as empresas terão direito de divulgar suas marcas na praça como forma de publicidade.

De acordo com a Fundação Municipal de Esportes (Funesp), a primeira ação das empresas será a reforma da praça. Após isso, por dois anos de contrato, as empresas farão a manutenção do local. "A reforma será feita por eles e na manutenção eles darão os equipamentos e insumos necessários para o trabalho, que será executado pela prefeitura", explicou o diretor-presidente da fundação, Rodrigo Terra.

Entre as principais ações estão a reforma dos banheiros e vestiários, revitalização do parquinho, reposição de areia no parque infantil e na quadra de vôlei, pintura geral do parque, manutenção da academia da terceira idade, troca das mesas da praça de alimentação, manutenção da irrigação, instalação de corrimão e a revitalização do chuveiro da quadra de areia. Os pontos foram citados pelos próprios usuários da praça em uma pesquisa realizada nos últimos meses.

"São R$ 250 mil investidos pelas duas empresas durante esses dois anos e nós vamos economizar uma média de R$ 5 mil mensais que gastamos com essa manutenção. É um dinheiro e tempo que vamos economizar e que serão revertidos para ações e projetos no esporte", completou Terra.

Para o prefeito Marcos Trad (PSD), essa parceria deve ser exemplo para outras empresas da Capital. "Ninguém governa sozinho e ninguém é dono da cidade. Que sirva de exemplo para outras empresas essa parceria", disse.

Com a assinatura, as empresas têm agora 30 dias para iniciar os trabalhos e, após isso, um prazo de 210 dias começa a contar para a conclusão das ações da reforma da praça.

Atualmente, conforme a prefeitura, 105 espaços públicos da Capital fazem parte do Propam e são adotados por 69 empresas privadas que fazem a revitalização e manutenção desses locais em troca de publicidade de suas marcas.

Leia Também