Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

vai para STF

Prefeito diz que não vai recorrer da
decisão que suspende cobrança da Cosip

Marcos Trad explicou que a prefeitura não está abrindo mão do recurso

7 JUL 17 - 12h:00VÂNYA SANTOS E LUCIA MOREL

Prefeito Marcos Trad anunciou hoje que não vai recorrer da decisão do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul que determinou a suspensão imediata da cobrança retroativa da Contribuição sobre o Custeio da Iluminação Pública (Cosip) nas contas dos consumidores de energia elétrica, em Campo Grande.

Marcos Trad explicou que a prefeitura não está abrindo mão do recurso e só quer agir em conformidade com a decisão judicial. “Vamos deixar o Supremo Tribunal Federal decidir quando bem entender e a forma como ele decidir nós vamos acatar. Não vamos recorrer contra a decisão do desembargador”, justificou.

Ainda conforme o administrador municipal, a prefeitura estava diante de três possibilidades, sendo a de ingressar com embargos sobre o efeito suspensivo e pedir que reconsideração da decisão do Tribunal de Justiça; recorrer ao STF para continuar recebendo a Cosip; ou deixar o processo tramitar regularmente.

Atualmente, segundo informações repassadas por Marcos Trad, o cofre da Cosip conta com R$ 25.534.986,98, sendo que somente este ano, no período de março a junho, foram arrecadados o total de R$ 11.529.963,10.

Embora decisão suspenda a cobrança retroativa da Cosip, consumidores que tiveram o valor cobrado em sua conta de energia devem resolver a questão diretamente com a concessionária Energisa, segundo orientação do prefeito da Capital.  

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Prefeitura abre nesta segunda inscrições para dois processos seletivos
CAMPO GRANDE

Prefeitura abre segunda inscrições para dois concursos

Idoso morre ao cair de escada durante poda de árvore na Capital
MORTE A ESCLARECER

Idoso morre ao cair de escada durante poda de árvore

Direção de hospital decide transferir pacientes após rebelião em presídio
MOTIM NO PARAGUAI

Direção de hospital transfere pacientes após rebelião

Homem é detido e amarrado por moradores após furtar residência
CAMPO GRANDE

Suspeito de furto é detido e amarrado por moradores

Mais Lidas