Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Paralisação

"Paradeira" em asfalto de bairro mais populoso da cidade é investigada pelo MPE

Obras começaram em 2013, mas parte do Aero Rancho ficou sem asfalto

12 SET 15 - 14h:10ALINY MARY DIAS

Esperado por muitos moradores desde 2012, quando foi lançado, o asfalto do bairro Aero Rancho ainda é pesadelo para uma parte dos moradores, os que ficaram isolados depois da suspensão de contratos. Agora, a paradeira no processo de pavimentação será investigada pelo Ministério Público Estadual (MPE).

De acordo com inquérito aberto e que conta no diário oficial do órgão da próxima segunda-feira (14), mas que já está disponível na internet, o alvo da investigação é a Secretaria Municipal de Infraestrutura, Transporte e Habitação (Seintrha).

O promotor Alexandre Pinto Capiberibe Saldanha, da 30ª Promotoria de Justiça, é quem comanda a apuração que tem como objetivo apurar irregularidade no fato da obra de asfalto terem sido iniciadas, porém, paralisadas.

ASFALTO

Lançado pelo ex-governador André Puccinelli (PMDB) em 2012, o projeto previa mudar a vida de quem vivem no bairro. A empreiteira vencedora da licitação foi a Pactual Construções LTDA, que a partir de agosto de 2013 começou a realizar os trabalhos. A pavimentação de todo o bairro custou mais de R$ 12 milhões e quase tudo ficou pronto, com exceção de duas etapas das mais de cinco executadas.

As etapas “E” e “F”, que compreendem ruas entre o quadrilátero da Avenida Graciliano Ramos, Raquel de Queiroz, Avenida Anhembi, Avenida Costa de Melo e a Rua Santa Quitéria e que custam juntas mais de R$ 2,6 milhões, no entanto, continuam esperando a volta do maquinário da empreiteira. Toda a implantação de drenagem já foi feita nas ruas, entre elas a Taumaturgo, Guaxupé e Ponto das Pedras, mas o asfalto, tão esperado pelos moradores, ainda está na promessa.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Secretaria abre sindicância e afasta guarda preso com arsenal
PROCEDIMENTO DISCIPLINAR

Secretaria abre sindicância e afasta guarda preso com arsenal

PRF apreende 640 quilos de maconha em carro roubado há seis anos
TRÁFICO DE DROGAS

PRF apreende 640 quilos de maconha em carro roubado

MPE investiga demora de exames <br> de câncer em hospitais do Estado
SAÚDE

MPE investiga demora de exames de câncer no Estado

Ex-vereadora pede cassação <br> de parlamentar na Câmara
DOURADOS

Ex-vereadora pede cassação de parlamentar na Câmara

Mais Lidas