Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

AEDES AEGYPTI

Mosquitos com bactéria vão ajudar
no combate à Dengue

Esta bactéria natural impede a proliferação de outros vírus

15 ABR 19 - 09h:43MARESSA MENDONÇA E NATALIA YAHN

Mosquitos infectados com a bactéria Wolbachia serão liberados em Campo Grande com objetivo de impedir a  proliferação dos vírus da Zika, da Dengue, Chikungunya, Febre Amarela e até a Febre do Mayaro. São unidades naturais do Aedes aegypti, ou seja não modificadas em laboratório, mas, infectadas clinicamente.

Esta pesquisa com mosquitos infectados com a bactéria começou na Austrália em 2005. No Brasil, os estudos começaram a ser realizados em 2015, na cidade de Niterói (RJ) e agora, essas unidades do mosquito serão introduzidas em Campo Grande, Belo Horizonte (MG) e Petrolina (PE).

A expectativa, segundo o  pesquisador da Fiocruz, Luciano Moreira, é reduzir o número de pessoas infectadas pelos vírus transmitidos pelo Aedes ao mesmo tempo aumentar a população de mosquitos infectados com a Wolbachia, bloqueando assim a infecção da população.

A escolha de Campo Grande como uma das cidades piloto para o teste tem relação com a situação de epidemia vivenciada na cidade.

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, comentou sobre a eficácia das bactérias para impedir a transmissão das doenças. Segundo ele, existem ainda outras pesquisas paralelas em relação ao Aedes. É o caso da vacina desenvolvida pelo Instituto Butantan.

Na Capital de Mato Grosso do Sul, 400 pessoas participam dos testes com a vacina. “Esperamos que nos próximos anos esteja disponível para a população”, disse o ministro.

Ao todo, serão investidos R$ 22 milhões nas pesquisas relacionadas com a bactéria Wolbachia.

O Coordenador estadual de Controle de Vetores e Zoonoses, Mauro Lúcio Rosário, reforçou a ideia  de expandir o projeto para os demais municípios.

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Segunda etapa da campanha de vacinação começa nesta segunda
GRIPE

Segunda etapa da campanha de vacinação começa segunda

Feriado sem mortes, mas 1,6 mil são autuados por excesso de velocidade
RODOVIAS FEDERAIS

Mais de 1,6 mil são autuados por excesso de velocidade

Pacientes esperam até 6 horas por atendimento em CRS da Coophavilla
SAÚDE

Pacientes esperam até 6 horas por atendimento em CRS

Quatro são presos e mais de meia tonelada de maconha apreendida
TRÁFICO DE DROGAS

Carro é apreendido com mais de meia tonelada de maconha

Mais Lidas