Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

DÉFICIT

Médicos que deixaram rede municipal tentam retornar

Segundo informações do secretário de saúde, 400 profissionais pediram exoneração

3 SET 15 - 14h:57MARESSA MENDONÇA

Depois dos cerca de 400 pedidos de exoneração e recusa em renovar contratos com a prefeitura, médicos negociam o retorno à Secretaria Municipal de Saúde Pública (Sesau), conforme declaração do titular da pasta, Ivandro Fonseca. Segundo ele, 1.200 profissionais estavam lotados na Sesau até março de 2014 e hoje são apenas 800 para atender Campo Grande.

“Estamos recebendo muitas ligações do retorno de muitos médicos para a Prefeitura e existe uma ação. Estamos conversando pessoalmente com cada médico”, disse Fonseca afirmando que existe, sim, a possibilidade do retorno desses profissionais.

“É uma excepcionalidade e temos que tratar como caso de urgência e emergência então, onde existir escalas que estão descobertas nós vamos estar contemplando esse profissional através do processo seletivo simplificado, através do edital”, completou o secretário.

À época dos pedidos de exoneração, o presidente do Sindicato dos Médicos, Valdir Siroma disse que os pedidos de demissão foram expressivos e relacionados “ primeiro por causa das condições de trabalho com infraestrutura precária. Segundo foi a insegurança que hoje temos nas unidades de saúde”.

O secretário de saúde acredita que os pedidos do retorno são decorrentes do “histórico” da gestão anterior em que “não houve corte de nenhum plantão, não houve escalonamento de salário, não houve corte do adicional de responsabilidade técnica, não houve corte das gratificações”, diz.

Fonseca foi até a Câmara dos Vereadores na manhã desta quinta-feira (3) para pedir apoio na implantação do programa de restruturação da saúde pública em Campo Grande e afirmou que equipe foi formada para realizar o diagnóstico sobre a situação do município. 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Lixo em rua incomoda moradores<br> do Maria Aparecida Pedrossian
PATRULHA DA CIDADE

Lixo em rua incomoda moradores de bairro da Capital

Ministério da Justiça prorroga presença da Força Nacional na fronteira
180 DIAS

Ministério prorroga presença da Força Nacional na fronteira

Mulher agride namorado com ferro de passar em Campo Grande
VIOLÊNCIA

Mulher agride namorado com ferro de passar em Campo Grande

Guarda municipal é preso com armamento avaliado em quase R$ 1 mi
OPERAÇÃO

Guarda é preso com armas avaliadas em até R$ 1 milhão

Mais Lidas