Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

sem acordo

Médicos continuam em greve e fazem reivindições à prefeitura

Secretário de finanças informou que não foi arrecado valor suficiente em mutirão

21 AGO 15 - 17h:25Glaucea Vaccari e Gildo Tavares

Os médicos da Rede Municipal de Saúde decidiram manter a greve em assembleia realizada na tarde desta sexta-feira (21), no Sindicato dos Médicos de Mato Grosso do Sul (Sinmed). A categoria está de greve desde o dia 15 de agosto devido ao escalonamento dos salários e corte de gratificações.

A categoria fez três reivindicações para apresentar à prefeitura, sendo elas se houver escalonamento que seja para todas as categorias, a fixação de uma data para definir o reajuste e que a prefeitura reajuste plantões e o 3º turno para não faltar profissionais nos atendimentos.

O secretario adjunto de Planejamento, Finanças e Controle (Seplanfic) Ivan Jorge, se reuniu com os representantes da categoria e reafirmou os problemas elencados pela prefeitura. Segundo ele, o mutirão da conciliação arrecadou apenas R$ 3,5 milhões e a expectativa é conseguir um valor maior para realizar o pagamento sem escalonamento.

A greve ocorre em todas as unidades de saúde e apenas 30% do efetivo está sendo mantido para atendimento de urgência e emergência.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Senado discutirá impacto <br> ambiental em Bonito-MS
TURISMO

Senado discutirá impacto
ambiental em Bonito-MS

DOF apreende comboio de veículos com produtos contrabandeados
ORIGEM PARAGUAIA

DOF apreende comboio de veículos com contrabando

Acordo que limita voos para a Argentina pode ser revisto
TURISMO

Acordo que limita voos para a Argentina pode ser revisto

Homem é preso em flagrante com 50 munições calibre 22
ANASTÁCIO

Homem é preso em flagrante com 50 munições calibre 22

Mais Lidas