Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

10 Medidas

Manifestantes querem
propor projeto para prevenir
e combater corrupção

16 AGO 15 - 16h:45VÂNYA SANTOS E KLEBER CLAJUS

Organizadores do movimento popular Pátria Livre aproveitam a aglomeração de milhares de pessoas na tarde deste domingo (16), na Praça do Rádio, em Campo Grande, para coletar assinaturas em uma lista de apoiadores do projeto de lei de inciativa popular denominada “10 Medidas Contra Corrupção”.

O projeto dispõe sobre propostas legislativas para aprimorar a prevenção e o combate à corrupção e à impunidade. Conforme o documento, as medidas estão consolidadas em 20 anteprojetos de lei e buscam, entre outros resultados, evitar a ocorrência de corrupção, por meio de prestação de contas, treinamentos e testes morais de servidores, ações de marketing, conscientização e proteção a quem denuncia a corrupção.

Dentre as medidas consta ainda criminalizar o enriquecimento ilícito, aumentar a pena para corrupção e tornar hediondo o desvio de altos valores, agilizar o processo penal e o civil de crimes e atos de improbidade e fechar brechas na lei, no que se referem a prescrição e nulidades, além de criminalizar a prática de caixa dois e lavagem eleitoral.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Previsão indica pancadas de chuva nesta semana em MS
TEMPO

Previsão indica pancadas de chuva nesta semana em MS

Juvêncio deixa legado de obras e serviços na Capital
EX-PREFEITO

Juvêncio deixa legado de obras e serviços na Capital

Governador decreta luto oficial de três dias por morte de Juvêncio
EX-PREFEITO DA CAPITAL

Governador decreta luto oficial de três dias por morte de Juvêncio

Aeroporto da Capital já transportou 3,5 mil toneladas em 2019
HUB DE CARGAS

Aeroporto da Capital já transportou 3,5 mil toneladas em 2019

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião