Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

meio ambiente

Lixões ameaçam córregos
que cortam Campo Grande

Três leitos d’água visitados pela reportagem têm plásticos e muito entulho

5 JUN 17 - 05h:00DA REDAÇÃO

Apesar de o entorno de rios, lagos e outros leitos d’água ser, por lei, considerado área de preservação permanente (APP), não é de fato o que se vê em Campo Grande, onde é bem comum encontrar lixo e entulho às margens dos 33 córregos que cortam a Capital.

O que começa, muitas vezes, com um mero saco plástico, torna-se, ao longo do tempo,  verdadeiro lixão, seja em locais mais afastados do perímetro urbano ou não. Em ambos os casos, a situação coloca em risco a vida ali existente.

Água e vegetação ciliar ainda tentam se sobressair próximo ao Polo Industrial Oeste, que passou a ser considerado área pública em 2004.

No entanto, mesmo sendo local de cuidado da prefeitura, as margens do Córrego Imbirussu, próximo à Vila Romana, já se transformaram em local de deposição de inúmeros tipos de entulho e restos.

A área que devia ser preservada fica ao fundo das indústrias, porém, as evidências apontam outro responsável pela grande quantidade de lixo depositada no local. 

O desafio de evitar essa poluição está nas mãos do Ministério Público Estadual (MPE) e da Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Ambientais e Atendimento ao Turistas (Descat), que investigam a situação, porém, a passos lentos.

*Leia reportagem, de Tainá Jara, na edição de hoje do jornal Correio do Estado.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Guardas tomaram atitude 'por conta' em terminal, diz secretário
SPRAY DE PIMENTA NA MANIFESTAÇÃO

Guardas agiram 'por conta' em terminal, diz secretário

Denúncias por ameaça representam 90% das ocorrências
VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

Denúncias por ameaça representam 90% das ocorrências

Deputados que investigam Energisa pretendem disputar prefeituras
CPI DO PALANQUE

Deputados que investigam Energisa pretendem disputar prefeituras

De advogados a psicólogos, Prefeitura convoca 52 profissionais temporários
CONVOCADOS

De advogados a psicólogos, Prefeitura convoca 52 profissionais temporários

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião