Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, segunda, 21 de janeiro de 2019

ENEM E VESTIBULAR

Inscrições gratuitas para cursinho preparatório seguem até fevereiro

A iniciativa do cursinho foi dos alunos de Medicina da Uems

12 JAN 2019Por RENAN NUCCI14h:11

Em fevereiro, o cursinho Paralelus, projeto de Extensão da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (Uems), de Campo Grande, fecha as  inscrições gratuitas para jovens de baixa renda. O projeto é executado por alunos do curso de Medicina, diretamente ligado a reitoria da Universidade.

O Paralelus começou em 2018 oferecendo aulas de português, matemática, redação, geografia, física, química, biologia e outras com formato preparatório para o vestibular e o Enem. As aulas são realizadas na Unidade da Uems em Campo Grande, com possibilidade de simulados e reforço aos sábados.

Em 2019, o cursinho abre 40 (quarenta) vagas para ampla concorrência e 8 vagas reservadas para indígenas. O objetivo é oferecer para alunos de baixa renda, com a colaboração de alunos de Medicina, Letras, Geografia e Pedagogia.

“Para entrar na Universidades, estudamos muito. Alguns alunos chegam a cursar dois anos de cursinho, então temos muita experiência com técnicas de redação, programação de estudo e muito mais. Esse projeto é uma oportunidade de ajudarmos outros estudantes e devolver a sociedade o que temos recebido, já que estamos numa Universidade Pública”, explica o acadêmico do curso de Medicina Yann Paterlini, criador do cursinho Paralelus.

O coordenador Projeto de Extensão, professor Antônio José Grande explica que a iniciativa do cursinho foi dos alunos de Medicina. “Temos vários alunos na UEMS que possuem condições de passar essas informações para os estudantes do cursinho. Essa será uma oportunidade para alunos de baixa renda, que tem condições de pagar por um cursinho pré-vestibular”, comenta Antônio.

O cursinho Paralelus está com inscrições abertas até dia 15 de fevereiro. As inscrições e informações estão no site do projeto (Clique Aqui).

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também