Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quarta, 21 de novembro de 2018

Jovens Fora de Série

Estudante do IFMS selecionado em prêmio “Fora de Série”

Foram escolhidos 56 jovens de um total de 500 inscritos de todo o Brasil

4 AGO 2015Por DA REDAÇÃO15h:03

O estudante do curso técnico em Informática do Campus Campo Grande do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS), Pedro Otávio Liberato Rocha, foi selecionado para participar da 4ª edição do Prêmio Jovens Fora de Série, promovido pela Fundação Estudar.

Foram escolhidos 56 jovens de um total de 500 inscritos de todo o Brasil. Pedro foi indicado por sua participação na Mostra Brasileira de Ciência e Tecnologia (Mostratec) com o projeto “Miniplataforma de coleta de dados agrometeorológicos: utilizando tecnologias computacionais livres”, criado em parceria com os estudantes Eduardo Campos e Lucas Moraes.

O projeto foi apresentado pela primeira vez na Feira de Ciência e Tecnologia do Câmpus Campo Grande (Fetec), promovida pelo IFMS, e recebeu diversos prêmios nacionais e internacionais.

“Sem o Instituto eu não teria enxergado a iniciação científica no ensino médio. Hoje já penso em fazer graduação em Engenharia da Computação junto com a graduação de Economia nos Estados Unidos”, disse o estudante.

Como prêmio da Fundação Estudar, Pedro vai receber uma bolsa de estudos em uma escola de língua inglesa e participar de um programa de treinamento que abrange workshops sobre liderança e monitoramento de carreira.

“Esses estudantes me surpreenderam. O projeto evoluiu e eles foram para várias feiras. O Pedro é um bom aluno e merece a premiação”, afirmou o professor Jyian Yari, orientador do projeto.

Fundação Estudar - Criada em 1991, a Fundação Estudar é uma organização sem fins lucrativos que tem como objetivo potencializar jovens talentos para que possam agir grande e transformar o Brasil, de acordo com descrição do site da instituição.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também