Campo Grande - MS, quinta, 16 de agosto de 2018

AGRESSÃO

Idoso profere xingamentos racistas e arranha rosto de sargento

“Preto não presta, preto é vagabundo, eu não gosto de preto, preto tem que morrer”, disse idoso

25 JUL 2017Por Izabela Jornada17h:11

Idoso de 81 anos invadiu rua impedindo passagem da viatura do Corpo de Bombeiros, desferiu socos na lataria do veículo, xingou equipe e arranhou sargento.

A agressão ocorreu hoje, por volta das 12h30, na Rua Demetrio Amaral, no Bairro Jardim Moema, em Campo Grande. O bombeiro que tentou conter o agressor foi ofendido pelo idoso que gritava no meio da rua: “preto não presta, preto é vagabundo, eu não gosto de preto, preto tem que morrer”.

O sargento que estava na viatura desceu do veículo para retirar o agressor do caminho, porém no momento da aproximação idoso atacou verbalmente o bombeiro proferindo xingamentos racistas. 

Após xingamento, idoso jogou o líquido que estava em copo que segurava no rosto do bombeiro. 

O agressor não atendeu às ordens da equipe do Corpo de Bombeiros e continuou com os xingamentos, por esse motivo foi dada voz de prisão e o idoso foi encaminhado para Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac).

O homem precisou de ser imobilizado na maca devido ao seu descontrole. No momento da imobilização, ele arranhou o rosto do sargento da equipe dos Bombeiros.

Leia Também