Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

48 ÓBITOS

Capital tem média de 6 mortes por mês no trânsito e maioria é motociclista

Ontem foram dois óbitos; Jarme no local e Valéria Franca depois de ser socorrida

14 AGO 15 - 09h:43LAURA HOLSBACK

Desde o começo do ano, 48 pessoas perderam a vida no trânsito de Campo Grande. O número representa média de seis mortes por mês, segundo dados do Placar da Vida, elaborado pela Agência Municipal de Trânsito (Agetran).

Somente ontem (13), foram dois óbitos e as vítimas eram motociclistas. Jarme dos Santos Oliveira, 30 anos, morreu no momento em que colidiu a moto YBR que conduzia em um carro, modelo Onix. O acidente ocorreu na Rua da Marinha, no Bairro Coophavila II.

A outra vítima foi Valéria Franca de Oliveira, 33 anos. Ela morreu no começo da tarde, depois de bater uma Dafra em uma Belina, no cruzamento entre as ruas Do Pinhão e Clark, no Taquaral Bosque.

De acordo com a Polícia Civil, a mulher seguia pela Rua do Pinhão e o condutor do automóvel, de 50 anos, pela outra via quando houve a colisão. A polícia não registrou na ocorrência sobre o acidente qual via era a preferencial.

Valéria chegou a ser socorrida e levada ao posto de saúde do Bairro Nova Bahia, mas não resistiu.

Ainda conforme informações policiais, o condutor da Belina não tem Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Dessas 48 vítimas, 32 eram motociclistas. Os números são referentes a mortes ocorridas no local e em hospitais da cidade, em até 30 dias após o acidente.

REDUÇÃO

Apesar da média de seis mortes no trânsito ser relativamente alta e o mês ainda não acabado, índices do Placar da Vida apontam, ainda, redução de 38% em comparação até agosto do ano passado. Neste período, foram 78 mortes, das quais 47 se referem a ocupantes de motos.

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Após morte de peixes, MP abre inquérito para apurar regularidade de esgoto
RIO ANHANDUÍ

Após morte de peixes, MP abre inquérito para apurar regularidade de esgoto

Tarifa de pedágio da ponte sobre Rio Paraguai aumenta 2,83% em janeiro
PREPARE O BOLSO

Tarifa de pedágio da ponte sobre Rio Paraguai aumenta 2,83% em janeiro

A exemplo da Paulista, 14 de Julho será fechada para carros aos domingos
A PARTIR DE AMANHÃ

A exemplo da Paulista, 14 de Julho será fechada para carros aos domingos

Cobrando melhorias e reajuste salarial, motoristas protestam na Afonso Pena
TRANSPORTE PÚBLICO

Cobrando melhorias e reajuste salarial, motoristas protestam na Afonso Pena

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião