Campo Grande - MS, sábado, 18 de agosto de 2018

moradias

Emha prepara retomada de
22 casas populares abandonadas

Primeira reintegração foi realizada depois de apenas três meses de análise

30 MAI 2017Por DA REDAÇÃO05h:00

Agência Municipal de Habitação (Emha) prepara a reintegração de posse de pelo menos 22 imóveis abandonados no Bairro Paulo Coelho Machado.

Depois de ação realizada no início de maio, foram identificados imóveis fechados e abandonados pelos mutuários.

Se esses donos não se manifestarem nas próximas duas semanas, terão seus imóveis retomados pelo Município. 

Em casos assim, em até três meses a reintegração pode ser feita. Foi o que aconteceu ontem no Residencial Arnaldino da Silva, na região do Jardim das Cereijeiras. Em apenas três meses – entre denúncia em fevereiro e efetiva retomada ontem –, o imóvel foi reavido e já entregue a uma nova família.

A casa popular tinha sido abandonada há pelo menos dois anos, conforme denúncia de vizinhos feita em fevereiro, e mesmo com repetitivas notificações a proprietária não compareceu à Agência. O imóvel foi entregue a nova família que deve ocupar a casa ainda hoje. 

*Leia reportagem, de Bárbara Cavalcanti, na edição de hoje do jornal Correio do Estado.

Leia Também