Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, domingo, 18 de novembro de 2018

Só para aliados

Em fim de mandato, Bernal
criou 'clube de vantagens'

Plano de carreira especial do ex-prefeito incrementou salário do escalão

26 JUL 2017Por DA REDAÇÃO04h:00

Os servidores municipais concursados ficaram sem reajuste no ano passado, entretanto, um seleto grupo de ocupantes de cargos de confiança do ex-prefeito Alcides Bernal mais que dobrou os ganhos durante os últimos meses de sua gestão.

Conforme denúncia feita ao Ministério Público do Estado (MPE), investigada pela 30ª Promotoria de Justiça de Campo Grande, as remunerações foram concedidas a cerca de 18 pessoas que já não ganhavam pouco.

O alto escalão da gestão estaria incluso no “plano de carreira especial” criado meses antes das eleições municipais de 2016.

Conforme a denúncia, o esquema era feito de forma a burlar o estatuto do servidor municipal e permitia o pagamento indiscriminado de benefícios a estes servidores. 

Dados disponíveis no Portal da Transparência comprovam mudanças substanciais nas remunerações justamente durante o período em que ocorria negociação salarial com os demais servidores.

Entre os que apresentaram saltos mais representativos nos valores recebidos estão o ex-secretário municipal de Saúde Ivandro Fonseca e o ex-secretário de Administração e então presidente do Instituto Municipal de Previdência de Campo Grande (IMPCG) Ricardo Ballock. 

*Leia reportagem, de Tainá Jara, na edição de hoje do jornal Correio do Estado.

 

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também