Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Campo Grande - MS, quarta, 14 de novembro de 2018

alta demanda

Doses de vacina contra gripe acabam
em 28 unidades de saúde

Vacinação prossegue até sexta e reserva técnica está sendo feita

7 JUN 2017Por RODOLFO CÉSAR16h:41

As doses de vacina contra a gripe na rede municipal de saúde de Campo Grande esgotaram-se em 28 Unidades Básicas de Saúde (UBSs), divulgou no começo da tarde de hoje o governo municipal.

A Coordenadoria de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) faz monitoramento das aplicações, que agora podem ser feitas a pessoas do considerado grupo de risco e demais integrantes da população. Como não houve cumprimento de meta definida pelo Ministério da Saúde, órgão federal autorizou vacinação de quem comparecer a uma UBS.

O próximo boletim de vacinação será divulgado na sexta-feira (9), data que está marcada para terminar a campanha. Também será informado percentual da população atendida nesse mesmo dia.

"Em todas as unidades haverá uma reserva técnica de doses para ser administrada nas crianças que tomarão a vacina pela primeira vez este ano. Os pais ou responsáveis foram informados quando deveriam retornar aos postos para que os pequenos recebam o reforço", informou nota da Prefeitura da Capital.

Os estoques podem diminuir ao longo do dia por conta da grande procura que dura das 7h às 17h. Neste site é possível encontra a relação de todas as unidades de saúde da Capital.

Veja a lista de UBSs onde os estoques estão zerados, ao todo são 28:

Aero Itália - Albino Coimbra - Alves Pereira - Antártica - Batistão - Bonança - Buriti - Carvalho - Estrela Dalva - José Abrão - José Tavares - Lar trabalhador - Los Angeles - Maraba - Maria Aparecida Pedrossian (MAPE) - Nossa Senhora das Graças - Nova Lima - Paradiso - Paulo Coelho - Popular - Portal Caiobá - São Benedito - São Conrado - Seminário - Tarumã - Universitário - Vida Nova - Zé Pereira.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também