Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

7 de Setembro

Desfile da Independência é marcado por protestos pela intervenção militar

Manifestante até deitou na Rua 14 de Julho em frente do governador

7 SET 15 - 10h:15ALINY MARY DIAS E NILCE LEMOS

Protestos marcam o desfile de 7 de Setembro, realizado na manhã desta segunda-feira (7), na Rua 14 de Julho em Campo Grande. Manifestantes espalhados pelas arquibancadas onde o público acompanha a festa pedem a intervenção militar. Um escritor de 35 anos chegou a deitar na rua em frente ao palanque das autoridades e ao governador Reinaldo Azambuja (PSDB) em forma de protesto.

O manifestante é Joaquim Duran, de 55 anos. Minutos depois de iniciado o desfile e já com a presença das autoridades no palanque, ele se deitou na Rua 14 de Julho com uma mordaça com o sigla SOS, um pedido de socorro pelo descontentamento com o Governo Federal.

De acordo com o manifestante, o ato foi em protesto ao sistema político e civil do Brasil e a favor da intervenção militar.

Além do escritor, grupos de manifestantes estão entre os espectadores do desfile, com faixas e cartazes e vestidos com roupas camufladas, eles pedem a intervenção militar. O desfile começou por volta das 8h30 desta segunda e deve terminar por volta das 11 horas.

Descontentes com o Governo atual, manifestantes pedem a intervenção militar​
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Prefeitura irá fazer empréstimo de <br>R$ 30 milhões para retomada de obras
FINISA

Prefeitura irá fazer empréstimo de
R$ 30 milhões para retomada de obras

Abono de R$ 200 poderá <br> ser votado na próxima semana
ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

Abono de R$ 200 poderá ser votado na próxima semana

Na Assembleia, servidores pedem que abono seja mantido por três anos
REAJUSTE

Na AL, servidores pedem que abono seja mantido por 3 anos

Alvo de operação da PF, ex-candidata também é apontada como laranja
FRAUDE EM PRESTAÇÃO DE CONTAS

Alvo da PF, candidata também é apontada como laranja

Mais Lidas