Campo Grande - MS, quarta, 22 de agosto de 2018

RECLAMAÇÃO

Deputados cobram agilidade no
pagamento de emendas

Algumas estão com pagamentos vencidos desde o ano passado

29 JUN 2017Por Izabela Jornada18h:31

Algumas emendas individuais de deputados estaduais estão com pagamentos atrasados desde o ano passado e parlamentares solicitam celeridade do Governo do Estado.

"Semana passada conversei com o governador Reinaldo Azambuja e ele disse que até o começo de julho as emendas remanescentes serão quitadas", garantiu o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Junior Mochi (PMDB). 

Mochi declarou também que 80% das emendas já foram quitadas. "Precisamos dar resposta à população. Queremos cronograma do Governo", cobrou o petista Cabo Almi.

O recesso dos parlamentares começa no dia 13 de julho e a preocupação é de que os pagamentos sejam protelados para o próximo semestre. "A base do Governo é ampla e se eles tiverem força de vontade tudo se resolve antas do recesso parlamentar", disse o deputado João Grandão (PT).

LDO

Petistas também solicitaram agilidade na votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). "Já apresentei propostas em relação a emendas. Temos pouco tempo para fazer o que precisa", disse o parlamentar João Grandão.

O presidente da Casa de Leis explicou que as comissões de Finança e Orçamento e de Execução Orçamentária já foram avisadas e os relatórios serão finalizados antes do recesso parlamentar.

Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também