Fale conosco no WhatsApp

Por sua segurança, coloque seu nome e número de celular para contatar um assessor digital por Whatsapp.

Assine a Newsletter

DEPUTADO MS

Deputado banca bebida alcoólica com dinheiro público

16 SET 19 - 10h:08

O deputado estadual Pedro Kemp (PT-MS) usou dinheiro publico para bancar rodadas de cerveja, chope e vinho para sua equipe de gabinete em uma pizzaria da capital. A conta de quase R$ 1,8 mil foi paga, acreditem com recursos da verba indenizatória, dinheiro esse  que deveria ser destinado para cobrir despesas exclusivas de mandato. O fato ocorreu em dezembro de 2017, mas só agora vem a público por meio da ONG Operação Política Supervisionada (OPS), especializada na fiscalização de gastos públicos do Legislativo.

Reeleito em 2018, Pedro Kemp disse ao Congresso em Foco que foi com sua assessoria festejar o balanço de seu mandato naquele ano numa pizzaria. O deputado conta que sempre prezou por excluir consumo de bebidas alcoólicas dos itens reembolsados a ele pela Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul. Mas, nesse caso, segundo ele, houve um descuido.

"Não costumo pedir ressarcimento de bebida alcoólica. Sempre que tomo uma cerveja ou caipirinha em viagem excluo esse valor. Tenho esse cuidado. Essa nota especificamente passou", afirmou.

O festejo de final de ano contou com ao menos 42 bebidas alcoólicas, entre cerveja e chopp, além de duas garrafas de vinho chileno Carmen Carmenere. Tudo bancado com dinheiro público.

Pedro Kemp é escritor, formado em Filosofia e Psicologia e começou sua carreira política ao se eleger vereador de Campo Grande em 1997. É deputado estadual desde 2001. O deputado afirmou que devolverá o dinheiro gasto indevidamente à assembleia se a casa legislativa exigir.

"Se a Assembleia considerar que foi irregular, com certeza vou ressarci-la. Não tenho intenção de fazer qualquer coisa irregular", disse.

Colaborador da Operação Política Supervisionada, Sebastião Marcos encaminhará ofício à assembleia para que o caso seja apurado e o valor restituído aos cofres da casa.

Fonte: Congresso em Foco

Esse artigo foi útil para você?
Os comentários abaixo são opiniões de leitores e não representam a opinião deste veículo.

Leia Também

Mais de 9,4 mil motoristas têm 15 dias para recorrer de multas por infração de trânsito
CAMPO GRANDE

Mais de 9,4 mil motoristas têm 15 dias para recorrer de multas de trânsito

Indústria chinesa de processamento de milho começa a operar em outubro
EM MARACAJU

Indústria chinesa de processamento de milho começa a operar em outubro

Professora denuncia falhas no vestibular e em avaliação da UFMS
PROBLEMA

Professora denuncia falhas no vestibular e em avaliação da UFMS

Terminal Morenão terá 80 metros a mais com ampliação
TRANSPORTE PÚBLICO

Terminal Morenão terá 80 metros a mais com ampliação

Mais Lidas

Gostaria-mos de saber a sua opinião